Ah, o fim de ano.

 

 

Verão, férias, festividades.

 

No meio de tanta vontade pra que chegue logo o dia de correr na areia em direção ao sol, fica difícil tirar algum tempo pra repensar tudo aquilo que passou. Mas se existe uma função importante dos ciclos que o ser humano inventou é essa: aprender com as experiências.

 

As experiências Mastertech 2018

 

Em 2018, nossa equipe da Mastertech continuou seu caminho acreditando que a educação poderia ser diferente, que ela poderia transformar o que tocasse, seja lá onde ela estivesse.

 

A ideia de ver e fazer empresas, comunidades e pessoas transformadas, alcançando seu futuro desejável, abandonando a probabilidade, quebrando a curva da normalidade, apenas por encontrarem uma maneira diferente de aprender, permaneceu mais viva do que nunca.

 

Mudamos de sede, mudamos de estratégia, mudamos de times, mudamos de liderança, mudamos e fomos transformados enquanto tentávamos mudar e entender cada desafio encontrado.

 

A diferença é que, dessa vez, percebemos o quanto precisaríamos de ajuda pra essa mudança se tornar ainda mais completa. Por isso, preferimos não apenas sonhar sozinhos, mas ir atrás de quem acreditaria nisso junto com a gente.

 

As parcerias de 2018

 

Se transformar exige mudança, talvez mudar o velho jeito de pré-estabelecer fórmulas para o conhecimento fosse um jeito de ressignificar a educação. Apostamos nisso e convidamos as pessoas para participarem com o que tinham, com suas próprias vivências.

 

Dialogamos com seus problemas e convidamos elas para participarem ativamente do seu próprio crescimento. Foi junto com vocês que descobrimos a real possibilidade de um futuro desejável.

 

retrospectiva mastertech

Demoday da sexta e sétima turma da Academia Mastertech.

 

Foi porque pudemos sentar e observar, entender e respirar, conversar e conhecer, que cada projeto resultou em inovação, em construção, em educação. E por isso a gente pode falar:

 

  • Que participamos da transformação da vida de 1200 jovens ao iniciarem suas vidas na tecnologia;
  • Que vimos mulheres expandirem seus negócios ao aprenderem sobre lógica de programação;
  • Que ajudamos alunos de diversas áreas do ensino acadêmico a incrementaram tecnologia e programação em suas futuras profissões;
  • Que facilitamos para a maior empresa de software e hardware do mundo capacitar seus próprios funcionários em metodologia de ensino;
  • Que nos unimos com mulheres encarceradas para que pudessem produzir seus próprios sites, e acreditarem em uma realidade distinta das que foram apresentadas a elas;
  • Que descobrimos junto com uma especialista de moda que mais do que apenas vestir, moda e tecnologia podem revolucionar;
  • Que mesmo novos, fomos desafiados com confiança a mudar mindsets de grandes empresas.

 

Foi um ano cheio! Desde a interação de máquinas de cartão, transformação de seguros, ampliação de tecnologias nos maiores bancos do país, até a mudança de pensamento pessoal, manifestação cultural e abalo nas velhas disposições sociais.

 

Acima de tudo, foi um ano transformador. A gente vive falando que vocês podem aprender tudo que quiserem. 2018 nos ensinou que nós também podemos. E vamos.

 

Retrospectiva Mastertech 2018: a gente pode aprender tudo que quiser
3 (60%) - 2 votos
Você pode também gostar