Como você talvez já saiba, o Product Owner é uma função originária dentro da metodologia Scrum. A metodologia Scrum é um framework para gerenciamento ágil de projetos, especialmente de software.

 

Essa função é responsável por maximizar o valor da criação do produto. Isso soa como uma responsabilidade de gerenciamento de produto. No entanto, o proprietário do produto é frequentemente considerado como uma função tática encarregada de gerenciar o backlog do produto, detalhando os requisitos e interagindo com a equipe de desenvolvimento.Como assim?

 

O que faz o Product Owner?

 

Dentro do método ágil Scrum, o Product Owner é responsável por maximizar o valor do produto resultante do trabalho da equipe de desenvolvimento. A maneira como isso é feito pode variar amplamente entre organizações, equipes de Scrum e indivíduos.

 

O Product Owner é a única pessoa responsável pelo gerenciamento do Product Backlog. O gerenciamento do backlog do produto inclui:

 

  • Expressar claramente os itens do Backlog do Produto;
  • Encomendar os itens no Product Backlog para melhor atingir metas e missões;
  • Otimizar o valor do trabalho que a equipe de desenvolvimento executa;
  • Garantir que o Backlog do Produto seja visível, transparente e claro para todos, e mostrar em que o Time Scrum trabalhará a seguir;
  • Garantir que a Equipe de Desenvolvimento entenda os itens do Backlog do Produto para o nível necessário.

 

O Product Owner pode fazer esses trabalhos descritos acima ou fazer com que a equipe de desenvolvimento os faça. No entanto, o Product Owner permanece sendo o responsável.

 

O Product Owner é uma pessoa, não um comitê. O Product Owner pode representar os desejos de um comitê no Product Backlog, mas aqueles que desejam alterar a prioridade de um item de Backlog do produto devem se dirigir ao Product Owner.

 

Para o Product Owner ter sucesso, toda a organização deve respeitar suas decisões. As decisões do proprietário do produto são visíveis no conteúdo e na ordem do Product Backlog. Ninguém pode forçar a equipe de desenvolvimento a trabalhar a partir de um conjunto diferente de requisitos.

 

O gerente de produto pode ser o Product Owner?

 

Se vê um proprietário de produto menos como um mestre de tarefas e mais estrategicamente, como defensor do usuário durante o processo de desenvolvimento, como comunicador da estratégia da equipe de produto, entre outros, você verá que as responsabilidades do proprietário do produto são parte da função do gerente de produto.

 

De fato, um proprietário de produto eficiente em um ambiente de desenvolvimento ágil precisará ser capaz de articular metas estratégicas. Em outras palavras, o proprietário do produto precisará ter algumas habilidades legítimas de gerenciamento de produtos. Por exemplo, a capacidade de se comunicar claramente em diferentes departamentos e excelentes habilidades de escuta.

 

É por isso que, em algumas circunstâncias, um gerente de produto também pode atuar como o proprietário do produto. Mas isso nem sempre é recomendado.

 

Se você é um gerente de produto de uma empresa relativamente pequena ou gerencia um único produto (ou uma pequena família de produtos semelhantes), pode ser que você desempenhe um trabalho duplo como proprietário do produto da equipe de desenvolvimento.

 

Mas como o gerenciamento de produtos abrange um conjunto muito maior de responsabilidades, você pode simplesmente não ter tempo para ser o proprietário do produto também ou pelo menos não fazê-lo com a eficiência que sua equipe de desenvolvimento precisará.

 

Se você está gerenciando um punhado de produtos grandes e complexos, cada um com sua própria equipe dedicada de desenvolvedores, você provavelmente não conseguirá ficar sempre acessível a todas essas equipes de desenvolvimento.

 

A função de gerência já exige muito trabalho: comunicar-se com as partes interessadas do executivo, realizar pesquisas de mercado, reuniões com suas equipes de marketing, vendas e sucesso do cliente, entre outras tarefas.

 

Como se tornar um Product Owner?

 

Para ser realmente eficaz na função, o proprietário de um produto deve comprometer-se com a equipe de desenvolvimento que estará sempre disponível para ele durante o sprint (ou qualquer formato que o processo de desenvolvimento leve).

 

Isso significa frequentar todas as reuniões, até mesmo os Scrums diários. Isso significa estar disponível para analisar e discutir todas as histórias de usuários na lista de tarefas da equipe. E significa estar sempre acessível em qualquer momento durante o desenvolvimento para responder a perguntas.

 

Para o profissional atuar como Product Owner, é imprescindível ter conhecimentos em metodologias ágeis, principalmente Scrum ou Kanban, além do domínio de inglês. Este profissional deve ser análitico, saber usar ferramentas web, ter conhecimento de Excel, saber delegar tarefas e, principalmente, ter o conhecimento de todas as fases de desenvolvimento de produtos.

 

Quer começar a desenvolver essas habilidades? Vem conhecer a gestão de projetos ágeis aplicando em projetos reais! Conheça mais sobre o curso aqui.

 

 

O que faz e como se tornar um Product Owner?
Avalie esse post
Você pode também gostar