Você tem uma ótima ideia de negócio na cabeça. No começo, com toda a motivação de quem acabou de descobrir algo que pode fazer a diferença, usa toda a sua energia e força de vontade para torná-la realidade. Chega uma hora em que isso não é suficiente: é preciso conseguir um investidor.

 

Como convencer alguém que não passou pelo mesmo processo de desenvolvimento da ideia e que não está tão envolvido quanto você à fazer uma parceria que envolve dinheiro? Conhecer as formas de investimento e como conseguir um investidor é o primeiro passo. Aqui vão algumas alternativas de investimento que podem te ajudar.

 

Financiamento coletivo

 

O crowdfunding, ou financiamento coletivo, é uma forma alternativa de financiar ideias usando a colaboração de muita gente. Além de empresas, as plataformas recebem projetos criativos e sociais. O Kickstarter, maior site do gênero no mundo, foi criado em 2008 e já ajudou mais de 110 mil ideias a saírem do papel, movimentando US$ 2,5 bilhões.

 

Para conseguir investidores para sua ideia por financiamento coletivo é preciso se cadastrar em uma das plataformas, como o Catarse, Kickante, Benfeitoria ou tantas outras, apresentar a sua ideia com o maior número de informações possíveis, determinar um valor mínimo para ser alcançado e colocar no ar.

 

Na maioria das plataformas, se a meta mínima for atingida você leva o dinheiro. Se não for, todos os investidores recebem o dinheiro de volta. As taxas cobradas pelas plataformas variam em torno de 10% a 15% do valor da meta.

 

Sócio capitalista

 

Se você só precisa de uma pequena parcela de investimento para colocar sua ideia para funcionar, uma boa forma de conseguir isso é ir em busca de um sócio capitalista. O sócio capitalista será uma pessoa que se interessa pelo objetivo do seu negócio e que irá ceder um valor pequeno de investimento em troca de parte dos lucros mensais.

 

Ter um sócio capitalista significa que você não estará trabalhando sozinho, já que ele tem o direito de acompanhar os serviços do negócio, as quantias em dinheiro que está lucrando nos últimos meses e atuar nas áreas do seu interesse. A melhor forma de encontrar esse tipo de parceria é comparecendo à eventos do seu setor de interesse e conversando com as pessoas, buscando contatos e gerando conexões com pessoas que possuem ideais parecidos com os seus.

 

Investidor anjo

 

O investidor anjo é alguém que vai oferecer dinheiro para sua empresa ou ideia de negócios em troca de uma porcentagem dos lucros ou uma parcela da própria empresa em si. É uma forma de sociedade que se parece mais com a venda das ações da empresa para uma outra pessoa.

 

Existem grupos de investidores anjo que se juntam para fazer rodadas de investimentos em oportunidades boas de negócios, juntando mais capital para cada investimento a ser realizado. Ou seja, o investidor anjo como um banco ou uma financeira. A diferença é que, ao invés de pagar juros, você está efetivamente vendendo uma parte da sua empresa para o investidor anjo.

 

O termo “anjo” é utilizado pelo fato de não ser um investidor puramente financeiro que fornece apenas o capital necessário para o negócio, mas por apoiar o empreendedor, aplicando seus conhecimentos, experiência e rede de relacionamento para orientá-lo e aumentar suas chances de sucesso. Sites como o Broota, EqSeed, StartMeUp e Biva podem te ajudar a encontrar um investidor anjo.

 

Antes de cair de cabeça junto a algum investidor, lembre-se de conferir todas as condições do investimento e estabelecer regras compreendidas por ambas as partes. Além disso, saiba em que pé está o seu negócio, quanto será necessário para crescer, como está o mercado e como você irá apresentar sua ideia de forma atraente.

 

Precisa de ajuda para começar a procurar um investidor? O Felipe Barreiros (CEO Mastertech) e Gabriela Chagas (Deal Sourcing & Investment Analysis VOX Capital) falam mais sobre esse assunto na live online e gratuita que você pode acessar aqui.

 

Como conseguir um investidor para minha ideia?
5 (100%) - 2 votos
Você pode também gostar