Liderar uma empresa em crescimento e escalar isso para um desenvolvimento técnico envolve muito trabalho e incontáveis desafios: você precisa inovar constantemente, se adaptar com a economia, navegar entre relações com stakeholders, envolver sua equipe e muito mais.

 

Chegar lá parece impossível e distante, mas ideias inovadoras podem sim gerar negócios de sucesso, rentáveis e em crescimento. Aqui vão 3 lições apresentadas pela COO do Facebook, Sheryl Sandberg, retiradas do podcast Masters of Scale.

 

1. Se arrisque para adaptar sua força de trabalho às necessidades

 

Os negócios se desenvolvem e mudam rapidamente, especialmente quando se fala de tecnologia. Quando se trata de uma startup de 10 pessoas, as necessidades são drasticamente diferentes de uma empresa 10 ou 100 vezes maior do que isso. No começo de um negócio de sucesso, promessas vão ser quebradas e planos vão mudar, é preciso estar pronto para isso.

 

Você não pode parar a investida de desafios, mas você pode identificar o momento em que esses desafios te forçam a agir, e agir de acordo. Enquanto um negócio cresce, líderes precisam encarar decisões difíceis. E não dá para fugir: são os confrontos e limitações que vão guiar sua empresa para o sucesso.

 

2. Desentendimentos vão acontecer, como você lida com eles é uma escolha

 

Quando você está entrando em uma nova empresa ou começando um negócio, é garantido que você não poderá sempre conversar de olho pra olho com seu superior. Estabelecer uma estratégia para resolver desentendimentos inevitáveis sem essa necessidade vai tornar seu trabalho mais construtivo, beneficiando todo o negócio.

 

Mesmo que você resolva todas as questões que possui agora, elas irão mudar e novas necessidades surgirão com o tempo. Uma estratégia é definir como o processo de decisão pode ser feito em momentos de desentendimento, quem pode tomar quais decisões e de que forma. Os objetivos de uma empresa, prioridades e desafios vão mudar constantemente, mas uma coisa que você pode tornar consistente é sua abordagem para encontrar soluções.

 

3. Promova uma cultura de feedbacks constantes em todos os níveis

 

Os melhores gestores não encontram mudanças por conta própria, seus times deixam os problemas aparentes. O desafio é fazer com que essas equipes falem sobre o trabalho que estão fazendo, para o bem e para o mal.

 

É preciso abraçar as falhas organizacionais. É preciso sentar e discutir quando as coisas estão dando errado. São as organizações que deixam a sujeira embaixo do tapete que não criam resiliência, porque não aprendem. E isso não vem só de cima para baixo: é preciso criar liberdade para que a ação de todos os níveis de hierarquia sejam questionadas quando não estão dando certo.

 

Construir uma cultura onde venha a tona quando alguém pensa que algo pode ser melhorado é a melhor forma de corrigir erros e aperfeiçoar processos. Falar de forma direta funciona, economiza tempo e incentiva as pessoas a se tornarem mais abertas para discutir ideias inovadoras e fazer um negócio de sucesso.

 

3 lições para liderar negócios de sucesso
4 (80%) - 1 voto
Você pode também gostar