O que é melhor do que ganhar um novo cliente? A resposta pode parecer “ganhar dois clientes”, mas na verdade deveria ser: reter um cliente existente.

 

Embora exista um certo fascínio que vem com a captação de novos clientes, manter os clientes retornando sempre resultará em um retorno maior e custa menos de 5 a 25 vezes. Mas como você cria uma estratégia de retenção de clientes que mantém seus clientes atuais engajados e felizes?

 

O que é retenção de leads?

 

Um programa de retenção de clientes é uma iniciativa específica ou um conjunto de iniciativas projetadas para aumentar o valor para o cliente e incentivá-los a recomprar e evangelizar o produto ou serviço de uma empresa.

 

Os programas de retenção de leads podem ser liderados pela empresa, como instituir o processo de integração do cliente ou liderado por ele, como baixar e usar um aplicativo móvel para fazer compras, por exemplo.

 

Idealmente, diferentes programas de retenção de leads trabalham lado a lado para criar uma experiência do cliente que cultiva a lealdade, o sentimento positivo e deixa-os mais dispostos a continuar comprando.

 

Ao reter um cliente, as empresas podem ajudá-lo a obter mais valor de um produto, incentivá-lo a compartilhar comentários e histórias sobre como usar o produto ou serviço para influenciar outros em potencial e começar a criar uma comunidade com a mesma opinião.

 

Abaixo estão cinco estratégias de retenção de clientes que as maiores marcas estão usando atualmente para inspirar lealdade.

 

1. Qualifique seus leads

 

O primeiro passo após a aquisição do lead é qualificar seus leads. De onde você os adquiriu? Onde eles estão atualmente no funil de compra? Três categorias de amostra incluem: não conhecem a marca, amam a marca mas não compraram e novo cliente.

 

Ao categorizar seus leads, você poderá criar uma mensagem de marketing que não seja apenas mais relevante, mas também envolvente.

 

Se os clientes aprenderam sobre sua marca, provavelmente não estão interessados ​​em todas as atualizações que você fez em uma versão mais antiga do seu produto. Eles nem sabem como era seu produto antes.

 

Os e-mails desalinhados também podem confundir seus clientes existentes. Por exemplo, enviar a um cliente antigo uma nova campanha sobre sua empresa pode levá-lo a acreditar que você está mudando sua empresa. É por isso a importância de saber exatamente com quem você está falando, para que você possa maximizar o impacto das mensagens enviadas.

 

2. Campanha de ativação e reativação

 

Se você está segmentando aqueles que não conhecem sua marca, seu primeiro passo deve ser apresentá-los ao que você vende. Ao alinhar sua mensagem com o público certo, você aumenta as chances de reter seu cliente por mais tempo. Essas campanhas de ativação têm como objetivo atrair os clientes interessados ​​em sua marca e até engajar sua empresa.

 

Se você já está falando com um cliente, seu objetivo é fazer com que ele seja convertido novamente, de preferência na forma de uma nova compra. Se eles compraram de você antes, incentive-os a fazer uma compra. Isso pode ser feito de inúmeras formas:

 

  • Inspirando-os com seu propósito de marca
  • Empoderando-os com ferramentas de conveniência
  • Utilizando a personalização e linguagem adequada
  • Trabalhando com gamification
  • Gerando sensações positivas com seu produto
  • Utilizando provas sociais de consumidores anteriores
  • Educando seus cliente sobre os produtos
  • Fazendo uma surpresa com cupons, brindes ou descontos
  • Oferecendo o suporte adequado
  • Agradecendo e pedindo desculpas quando necessário

 

3. Campanha de engajamento

 

Às vezes, os clientes não estão prontos para converter. Não desconte esses leads! Só porque eles não fizeram uma compra, isso não significa que eles não estejam interessados ​​em sua empresa.

 

Mantenha contato com seus clientes enviando atualizações regulares sobre seus produtos ou sobre as últimas tendências do seu setor. Isso é especialmente importante durante temporadas de vendas baixas, quando outras empresas podem não estar engajando seus clientes.

 

4. Converter reclamações em leads quentes

 

Ouvir os clientes é sempre uma coisa boa, mesmo na forma de clientes irritados reclamando. Cada interação ou ponto de contato de sua marca é uma oportunidade de causar um impacto positivo em seus clientes. Se você pode conquistá-los quando eles estão mais chateados com você, mantê-los por perto será uma conquista certa.

 

Primeiro, ouça atentamente as preocupações do cliente. Eles estão reservando tempo para falar sobre o problema deles, portanto, dê a cortesia de ouvi-los. Mantenha-se objetivo, concentrando-se nos fatos e não nas emoções. Em seguida, tente encontrar uma solução que funcione para você e para o cliente. Tente entregar a solução em tempo hábil.

 

5. Execute campanhas personalizadas

 

Se você não tiver um novo lote de leads, ainda é possível fazer algo para engajar seu público. A maioria dos comerciantes apenas segmenta os clientes durante as principais vendas de feriados, já que a maioria das pessoas tende a fazer compras neste momento.

 

No entanto, existe uma maneira de manter os clientes engajados durante todo o ano, especificamente, um dia especial do ano para cada um de seus clientes: seu aniversário!

 

Os aniversários são distribuídos ao longo do ano, para que você possa lançar essa campanha a qualquer momento. Os aniversários são sobre o cliente, não você, então adapte suas mensagens com isso em mente.

 

Está precisando criar uma lista de possíveis leads mais próxima da realidade de seu negócio? Conheça um pouco mais sobre Data Driven Marketing e as oportunidades dentro dessa metodologia com a gente! É só acessar aqui para conhecer nosso curso e saber mais.

 

5 métodos de retenção de leads para seu novo ano
Avalie esse post
Você pode também gostar