Quando se trata de integração de usuários ou onboarding, muitas equipes de design deixam esse ponto com menor prioridade, ao lado de liberar recursos mais “urgentes”. Isso é um grande erro.

 

Se você tem um produto digital ou faz parte de uma equipe de design, provavelmente já sabe que o crescimento da sua base de usuários é a principal prioridade. A maioria das pessoas julgará o sucesso do seu produto em dois grandes fatores:

 

  1. Taxa de crescimento dos usuários
  2. Receita

 

Mas e quanto a essa métrica não falada e ainda assim super importante que você nunca ouviu falar? Retenção do usuário.

 

Retenção é o que acontece quando, depois de convencer um usuário a se inscrever em seu produto, você os conduz em um caminho de etapas que cria uma experiência de usuário tão positiva, que aumenta o valor de seu produto em sua mente.

 

O resultado é que esse usuário se torna um usuário recorrente, frequentemente fazendo o login, todos os meses, semanas, dias ou horas, continuando a usar e pagar pelo seu produto.

 

Então, como você leva uma pessoa do status de novo usuário para totalmente engajado, que mantém um contato frequente e até informa a outras pessoas sobre o seu produto?

 

Algumas coisas entram nessa transformação, mas uma das etapas mais importantes é encaminhar seus usuários por meio de uma sequência de onboarding bem projetada e eficaz.

 

O que é a onboarding?

 

Quando se trata de design de produto, onboarding é o processo de levar o usuário a uma série de tarefas que, uma vez concluídas, demonstram efetivamente o valor do seu produto para elas.

 

Em outras palavras: você os ensina como usar seu produto e eles aprendem como realmente ajudá-los. Quando as pessoas pensam em um processo de integração, geralmente pensam em uma tela ou em um número de telas que ensina o usuário a usar a interface.

 

Coisas como adicionar um novo item, onde alterar suas configurações, como responder a um post, etc. Por exemplo, você pode ver isso na primeira vez que faz login em uma rede social.

 

onboarding

 

Entretanto, isso não é tudo o que existe para a integração de usuários. Onboarding é um processo que acontece em muitos momentos diferentes durante o ciclo de vida do usuário.

 

Apresentar um novo usuário ao seu produto diretamente após a inscrição é muito importante, mas daqui para frente, o que o atrai cada vez mais para o seu produto e o mantém engajado?

 

Por que manter o onboarding do usuário é tão importante?

 

Para entender isso, vamos começar com o motivo pelo qual alguém se inscreveu no seu produto. É provável que um novo usuário se inscreva porque você prometeu a eles algo de que precisam. Normalmente, eles têm um problema que precisam ser resolvidos e você está prometendo a eles a solução.

 

Essa parte é realizada porque você aprendeu a escrever e projetar adequadamente uma página de destino eficaz. Se você fez essa parte corretamente, você fez uma promessa específica de valor e pintou uma imagem de quanto melhor sua vida será depois de se inscrever.

 

Isso significa que eles estão fazendo login no seu aplicativo pela primeira vez com a expectativa de que esse valor seja entregue. É a sua chance de uma ótima primeira impressão, então o que você acha que seria a pior coisa que poderia acontecer?

 

O novo usuário faz login, olha em volta e não entende o que deve fazer em seguida. Ainda pior, eles tentam fazer alguma coisa, falham e desistem. Nesse ponto, seu produto não conseguiu entregar o valor prometido e, agora, seu novo usuário está frustrado.

 

Na maioria das vezes, quando isso acontece, a pessoa faz logout e não retorna. A diferença entre produtos com onboarding e sem é que um valor prometido é entregue, o outro não.

Um deixou o usuário com uma boa experiência, o outro não.

 

É exatamente por isso que um processo de integração para um novo usuário é tão importante. Ao levar o usuário por uma série de etapas que terminam com a obtenção de seu produto, você comprovou a elas que vale a pena voltar. É assim que a integração leva à retenção.

 

Quer saber mais sobre onboarding e as melhores práticas para retenção de usuários? Clica aqui para acessar ao nosso artigo apresentando formas eficientes de realizar sua integração!

 

Onboarding no design: o que é e como funciona?
Avalie esse post
Você pode também gostar