Sempre é tempo de mudar
Por Juliana Battistelli

Ano novo, vida nova!

 

 

Vamos ser sinceros: quando é que essa frase realmente se concretizou? Quando foi que, ao pular a primeira das sete ondas, sua vida se transformou completamente? Você parou de discutir com seus pais, mudou para seu emprego dos sonhos, fez a viagem tão sonhada, parou de cobrar tanto de si?

 

Ainda que os ciclos nos deem força para recomeçar, colocar toda a sua esperança neles não vai te fazer bem. Está precisando mudar alguma coisa na sua vida? Não precisa esperar até 08 horas da manhã de segunda-feira, o primeiro dia do mês ou do ano. Sempre é tempo de mudar.

 

Mudança não tem hora

 

Não é igual mudança de móveis de um apartamento para o outro, onde você tem que marcar um horário para não incomodar os outros inquilinos. Mudar sua mente e suas ações para melhorar sua qualidade de vida não tem hora.

 

Por mais que a gente teime em colocar nossos despertadores para horários fechados, não há nada de errado em começar uma tarefa as 15h12. Já pensou?

 

Seria um alívio nos libertarmos da necessidade de nos agarrarmos a datas, idades, gêneros e tantas outras situações que impedem de nos tornarmos o que queremos ser. E o que tem ficado mais claro para nós é que o caminho mais gostoso, eficiente e vantajoso para essa libertação é pela educação.

 

O aprendizado nos transforma

 

Aqui na Mastertech, dentro de nossas diretrizes internas, a mudança é mais do que vista com bons olhos: é fundamental.

 

Isso porque para aprender é preciso mudar. E para mudar é preciso aprender. Só com a mente aberta damos espaço para absorver novas ideias. E a partir dessas ideias somos capazes de gerar cada vez mais transformação.

 

Por isso, nesse novo ano, nosso desejo é que você aprenda tudo que quiser. Na hora que quiser. Do jeito que quiser. Não tem idade, não tem hora, não tem gênero e não tem motivo que te impeça. Sempre é tempo de se reinventar.

 

Quer começar agora? Vem nos conhecer melhor! 🙂

 

Sempre é tempo de mudar
Avalie esse post
Você pode também gostar