Onde quer que você esteja em sua carreira profissional, haverá desafios com os quais você terá que lidar no local de trabalho. Isso é totalmente normal e pode até ser algo que o leva adiante em sua carreira, permitindo seu crescimento individual.

 

É preciso estar preparado para lidar com adversidades o tempo todo durante a vida, e o que você faz para ganhar dinheiro entra nessa conta. Aqui estão oito dos desafios mais comuns que você pode encontrar em toda carreira profissional e maneiras de transformá-los em sucessos.

 

1. Um relacionamento difícil com seu chefe ou gerente

 

 

Esta é uma das queixas mais comuns dos trabalhadores, afinal, quem não teve um chefe difícil em algum momento de sua carreira? De acordo com um estudo de uma universidade dos EUA, até 40% dos trabalhadores no mundo dos negócios acham que trabalham para chefes ruins.

 

Existe uma maneira de mudar isso e construir seu próprio sucesso profissional. Se você estiver com um trabalho direto com o qual não se dá bem, se responsabilize da sua missão de verificar outros gerentes de equipe acima e abaixo para desenvolver relacionamentos com essas pessoas de maneira sutil e não ameaçadora.

 

Busque conselhos deles, construa um relacionamento e tente obter uma compreensão mais ampla de como o negócio funciona, na totalidade. Certifique-se de nunca prejudicar diretamente seu chefe, pois isso poderia fomentar relacionamentos negativos e até mesmo colocar seu trabalho em risco.

 

Às vezes, as pessoas com as quais não costumamos tratar diretamente podem ser uma ótima fonte de informações e podem ficar felizes em lhe dar um pouco do tempo delas para ajudar.

 

2. Um colega de trabalho que constantemente rouba seus feitos

 

 

Você pode ter trabalhado duro em um projeto apenas para que alguém da sua equipe tome todo o crédito. Ou suas ideias podem ser postas de lado por alguém com mais influência do que você. O que você pode fazer?

 

Nesse caso, ir diretamente ao RH para fazer uma reclamação pode não ser a melhor opção. Novamente, fomentar uma relação nova e viável com o colega de trabalho em questão pode ser mais eficaz. Gastar tempo ouvindo como ele age em reuniões, qual é a sua ética de trabalho e quais são seus pontos fortes e fracos é importante.

 

Faça um voto consciente de envolvê-lo diretamente em projetos que ele normalmente assume. Se você puder, procure construir um relacionamento mais amigável com ele ao longo do tempo, demonstrando suas insatisfações e tentando mudar o diálogo entre vocês.

 

3. Trabalhar em uma função que não está alinhada com seus talentos

 

 

Tem havido vários estudos feitos sobre o envolvimento no emprego e como isso afeta a felicidade, satisfação e retenção no trabalho. Em alguns locais de trabalho, cerca de 80% dos trabalhadores sentem-se desligados em suas funções, o que significa que não sentem que estão vivendo de acordo com seu potencial.

 

Se esta é a sua experiência, não se preocupe. Use seus sentimentos de insatisfação para fazer algumas mudanças em sua experiência de trabalho. Marque uma reunião com seu gerente sobre como você pode avançar em sua função, observando quais habilidades e interesses você gostaria de desenvolver.

 

Desta forma, você pode transformar algo negativo em positivo e pode se surpreender com o que descobrir. Muitos locais de trabalho permitem o desenvolvimento profissional para aqueles que o solicitam especificamente. Pesquise cursos de curta duração que você pode fazer, eventos ou dias de treinamento para participar e apresente ao seu superior. Ter vontade de aprender mais nunca deve ser um problema.

 

4. Uma equipe não cooperativa

 

 

Sua equipe está hostil ou distante? Existe falta de trabalho em equipe ou de uma clareza da cultura da empresa? O negócio sofreu devido a mudanças nas condições do mercado ou a uma desaceleração no cenário comercial? Esse problema pode ser superado para sua vantagem, se você estiver disposto a trabalhar nisso.

 

Não exagere, mas procure introduzir pequenas coisas que possam fazer com que seus colegas de trabalho se sintam mais bem tratados. Você pode organizar um almoço informal, levar um lanchinho algum dia da semana para quebrar o gelo. Você pode fazer uma reunião semanal em equipe, onde os primeiros minutos são reservados para algo leve e divertido. Isso mostra habilidades de liderança e talvez até te ajude a ser notado por aqueles mais acima. No mínimo, você irá melhorar o dia de pelo menos uma pessoa.

 

5. Excesso de trabalho ou horas extras

 

 

Você está trabalhando até não aguentar mais? Infelizmente, isso é extremamente comum. Uma notícia terrível para quem procura alcançar um equilíbrio entre vida pessoal e profissional.

 

Entretanto, existem maneiras de usar este desafio comum como uma chance de ter sucesso em sua carreira. Se você está se sentindo sobrecarregado, faça um esforço mais consciente para registrar suas tarefas diárias todos os dias. Mantenha registros melhores do que você faz, quanto tempo leva e se as tarefas estão demorando mais do que o esperado.

 

Durante um período de 2 ou 3 meses, você terá uma ideia melhor de como apresentar essas informações ao seu gestor. Procure eficiências em sua função, indique horas extras e reserve um tempo para discutir como seu trabalho poderia ser melhor delegado ou simplificado. Talvez você possa argumentar para ocupar uma nova função dentro de seu departamento ou para terceirizar algumas das tarefas e liberar seu tempo para outras atividades mais importantes. Faça deste um dos seus objetivos.

 

6. Sentir-se preso em uma carreira

 

 

Você sente que sua carreira não está indo a lugar nenhum? Mesmo que isso possa ser uma realização deprimente, essa noção pode ser usada como uma plataforma de lançamento para algo melhor. Para qual atividade você acredita que seria mais adequado? Onde estão suas frustrações? O que você gosta sobre a sua função atual?

 

Muitas vezes é por meio das experiências de trabalho ruins que aprendemos a aprimorar nossas verdadeiras habilidades. Se você sentir que está preso onde está, use isso como uma oportunidade para chegar a outro lugar. Não espere milagres. Em vez disso, conecte-se a uma nova carreira, faça mais estudos e confira outras oportunidades de emprego sempre que puder.

 

7. Falta de inspiração ou motivação

 

 

Nenhum de nós se sente inspirado ou motivado todos os dias. Por isso, não seja muito duro consigo mesmo ou com sua situação atual, se essa for a sua realidade. Você pode mudar sua vida e progredir em sua carreira usando a falta de inspiração como ponto de partida.

 

Passe algum tempo concentrando-se nas coisas que o inspiram. Se levar tempo para criar uma lista, não tem problema. Que tarefas você realmente ama e o que você ama nelas? Você adora praticar esportes nos fins de semana para relaxar e descontrair? Você aprecia o trabalho em equipe ou você gosta de liderar um time? As respostas serão diferentes para cada um.

 

Depois de trabalhar em duas ou três coisas que você realmente se sente inspirado, descubra maneiras de incorporá-las à sua vida profissional atual. Às vezes, a falta de inspiração é apenas uma falta de foco no nosso propósito, naquilo em que realmente nos destacamos. Passe algum tempo se reconectando com seus objetivos.

 

8. Estar em uma carreira profissional totalmente fora dos seus sonhos

 

 

Um dos maiores desafios que algumas pessoas podem encontrar em suas carreiras é quando percebem que estão completamente erradas no trabalho que escolheram. Muitas vezes, temos como objetivo carreiras profissionais que parecem boas no papel, são altamente remuneradas ou são o que pensávamos que queríamos fazer anos atrás.

 

A vida é mais simples do que parece. Você provavelmente não precisa de uma avaliação para lhe dizer se é bom em seu trabalho. Se você é honesto consigo mesmo, você definitivamente deve saber se é hora de seguir em frente e mudar de carreira.

 

Isso pode ser visto como um grande desafio, mas também a maior chance de sucesso. Fingir ser outra pessoa no trabalho ou em qualquer momento da sua vida não vai fazer você feliz. Se você se encontrar vítima desses sinais, não precisa sair do seu emprego hoje, mas comece a procurar por um novo que o deixará mais feliz amanhã.

 

8 desafios de qualquer carreira profissional e como superá-los
Avalie esse post
Você pode também gostar