4 minutos de leitura

O termo “big data” está em todos os lugares nos últimos tempos, e por uma boa razão. Mais do que nunca os produtos que utilizamos estão conectados à internet: celulares, TV’s, relógios, câmeras. Quase todo dispositivo eletrônico criado hoje está conectado à internet por algum propósito de funcionalidade e experiência.

 

O resultado de ter dispositivos conectados é a geração de dados. Muitos, muitos dados. Isso significa que se você for capaz de visualizar dados e encontrar padrões de forma rápida e eficiente, você é extremamente valioso para o mercado. Aqui vão cinco trabalhos em que essas habilidades são essenciais.

 

1. Cientista de dados

 

Um cientista de dados explora e cria ferramentas ou métodos para lidar com uma quantidade massiva de informação, normalmente disparada por mais de uma fonte, analisando esses dados e recomendando formas de aplicá-los. Isso acontece, normalmente, a partir de soluções técnicas como algoritmos e modelos preditivos. Ou seja, ter certo conhecimento de programação vai ajudar muito nessa tarefa.

 

aprender a programar

 

Entretanto, um cientista de dados não deve somente saber rastrear dados. Ele também precisa gerar insights, ser inquisitivo e analítico para identificar tendências, reconhecer pontos cegos, determinar necessidades, fazer recomendações e tomar decisões que aumentam o valor do negócio.

 

2. Analista de dados

 

O analista de dados coleta, processa e performa análises estatísticas a partir de dados. Suas habilidades não precisam ser tão avançadas como as de um cientista de dados, mas os objetivos são os mesmos: descobrir como as informações podem ser utilizadas para responder perguntas e resolver problemas.

 

3. Analista de negócios

 

Como um analista de negócios, você estará no comando de aperfeiçoar processos e aumentar a produtividade, o output, a distribuição de funcionários, produtos e serviços. Isso pode incluir a construção e análise financeira de modelos de negócio, para a qual você precisará colher diversos dados de fontes variadas.

 

Analistas de negócios e sistemas, uma profissão similar mas mais técnica, irá entregar para as empresas a direção para integrar novas soluções técnicas no negócio. Os dois cargos trabalham em conjunto à equipe financeira e estratégica.

 

4. Gestor de produto

 

Sendo um gestor de produto, seu trabalho é dominar o produto desde a concepção até cada estágio de seu desenvolvimento, e todo produto passa pela análise de dados. Em seu nascimento, é preciso analisar o mercado para compreender tendências e problemas. Durante o crescimento e maturidade, o gestor de produto se baseia fortemente em dados para determinar quais funcionalidades devem estar incluídas e quais mudanças serão feitas na próxima versão.

 

5. Marketing digital

 

Não importa se seu foco é em e-mail marketing, SEO, mídias sociais ou outro, como um profissional de marketing digital, todas as suas ações e estratégias devem se basear em dados. Entender o que afeta os usuários através da análise de dados é parte crucial de redefinição de suas estratégias e comunicação com stakeholders. Não é a toa que existem tantas ferramentas de marketing digital com esses objetivos.

 

Enquanto esses cinco exemplos são apenas alguns específicos, a análise de dados já é parte integral de negócios que parecem muito distantes desse conceito, em indústrias de todos os tipos. Se você está procurando por aperfeiçoar sua carreira ou mudar de caminho para profissões bem pagas, aprender análise de dados é fundamental.

 

5 profissões bem pagas que exigem habilidades de análise de dados
5 (100%) - 1 voto
Você pode também gostar